SINDAFA-MG


  1. Início
  2. /
  3. Fiscais Agropecuários Estaduais
  4. /
  5. Fiscais do IMA fazem alerta para o consumo de cachaça sem rótulo e registro
quinta-feira, 10/08/23 14:30

Fiscais do IMA fazem alerta para o consumo de cachaça sem rótulo e registro

Fiscais do IMA fazem alerta para o consumo de cachaça sem rótulo e registro
Imagem: Divulgação/IMA


Apreciador de cachaça, você sabia que não é suficiente identificar a qualidade da bebida apenas pelo paladar?

Para garantir uma experiência saudável ao degustar a cachaça e a aguardente de cana-de-açúcar é fundamental verificar se o rótulo traz o número de registro do produto no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), assim como o CNPJ do produtor.

O registro identifica que essas bebidas foram produzidas segundo as normas de boas práticas de fabricação, as quais asseguram as condições higiênico-sanitárias essenciais ao processo, bem como que estão seguindo a legislação e a instrução normativa do setor.

É importante esclarecer que as práticas higiênico-sanitárias englobam a higiene pessoal, dos utensílios e instalações, entre outros aspectos, de maneira que garantam que os destilados sejam consumidos com segurança e sem riscos para a saúde.

Outra dica é comprar as bebidas em estabelecimentos fiscalizados por órgãos de defesa agropecuária. Em Minas Gerais, as ações de inspeção e educação sanitária aos produtores e comerciantes são executadas pelos fiscais do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA).

Vale destacar que a cachaça e a aguardente de cana-de-açúcar possuem padrões internacionais de identidade e qualidade. Inclusive, são consideradas as bebidas destiladas mais tradicionais do Brasil, sendo patrimônio cultural dos mineiros.

“O legal merece um brinde”

Para conscientizar a população contra a clandestinidade da produção e comercialização da cachaça e da aguardente, em 2020, o IMA lançou a campanha “O legal merece um brinde!”.

A campanha visa enaltecer a importância do consumo de produtos alimentícios registrados, que atendam à legislação. Dessa forma, o foco da abordagem junto aos produtores, comerciantes e colaboradores também tem caráter educativo.

Em relação ao comércio, pelo fato dos proprietários de bares, restaurantes e mercados estarem mais próximos do consumidor, a educação sanitária realizada nesta campanha do IMA tem buscado reforçar a importância do registro desses produtos junto a esse público.

As ações do projeto “O legal merece um brinde!” contam com o apoio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa-MG), Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

Acesse mais informações em http://ima.mg.gov.br/agroindustria/produtos-de-origem-vegetal.

Saiba mais em sindafamg.com.br e nas mídias sociais no perfil @sindafamg!

Sindafa-MG: Valorizando e defendendo os Fiscais Agropecuários e os Fiscais Assistentes Agropecuários de Minas Gerais

Voltar

Últimas notícias

ver mais
Sindicalizados aprovam aquisição de nova sede para o Sindafa-MG sábado, 18/05/24 Sindicalizados aprovam aquisição de nova sede para o Sindafa-MG Maioria decidiu mudar para imóvel mais amplo, de melhor infraestrutura, e com auditório, além ...
Sindafa-MG parabeniza as mães pelo dia especial domingo, 12/05/24 Sindafa-MG parabeniza as mães pelo dia especial Mãe é a origem da vida, é cuidado e acalanto. É apoio, orientação, um ...
Sindafa-MG convoca filiados para Assembleia Geral Extraordinária no dia 15/05 segunda-feira, 06/05/24 Sindafa-MG convoca filiados para Assembleia Geral Extraordinária no dia 15/05 Encontro será realizado de forma on-line a partir das 17h30 O Sindicato dos Fiscais ...
Dia do Trabalho: Sindafa-MG parabeniza fiscais filiados pelas ações de defesa sanitária agropecuária em Minas Gerais quarta-feira, 01/05/24 Dia do Trabalho: Sindafa-MG parabeniza fiscais filiados pelas ações de defesa sanitária agropecuária em Minas Gerais Celebrar a luta dos trabalhadores por melhores condições de trabalho e de vida, assim ...
Converse com o Sindafa
Pular para o conteúdo